Ver Post

Opinião: temos sorte por sermos genealogistas?

Em Árvore Genealógica Por Tati MarinDeixe um Comentário

Uma publicação nas redes sociais rendeu um pouco de conversa e inspiração. Sobre a citação “Se você tiver sorte o suficiente para ser um genealogista, você tem sorte o suficiente” de Ruth Padilla, perguntei: que sorte é essa? A que você acha que ela estava se referindo? No Instagram obtive alguns engajamentos interessantes. Entre as respostas, o enfermeiro Fernando Melo, que se dedica à genealogia há quase 20 anos e está a frente do perfil @genealogiaem, concorda com a autora. “Para mim a genealogia é um exercício que estimula várias habilidades”, afirma. Quer sorte maior que essa? Conversando, elencamos algumas …