Aprenda a usar os caracteres-curinga em pesquisas para encontrar variações de sobrenomes

Em FamilySearch, Pesquisa Por Tati MarinDeixe um Comentário

Os caracteres-curinga são ótimas cartas na manga ao fazer pesquisas genealógicas. Aproveitando o trocadilho, sim eles funcionam da mesma maneira que os curingas nos jogos de carta como buraco e canastra.

Caracteres-curinga funcionam como os dos jogos de cartas. | Foto: Pixabay

A maioria dos motores de pesquisa dos sites de genealogia aceita o uso desses caracteres especiais (wildcards em inglês). Os dois símbolos utilizados são o ‘?’ (ponto de interrogação), que substitui uma letra, e o ‘*’ (asterisco), que substitui duas ou mais letras.

Por que usar caracteres-curinga

Explico! Existem muitos nomes e principalmente sobrenomes que, por diversos motivos, sofreram modificação de grafia ao longo do tempo. Ou, apesar de ser difícil de acontecer, pode até ser que os termos foram indexados erradamente.

É possível que seu ancestral, ou alguém relacionado a ele e você ainda não descobriu, esteja registrado em algum momento ou lugar com nome e/ou sobrenome com a grafia diferente. Para não deixar de encontrar todas as variações que podem ter sido registradas, faz-se então o uso dos caracteres-curinga.

Como funciona?

Vou dar o exemplo de um sobrenome presente na minha árvore genealógica: Bortoluzzi. É de origem italiana e, como em pizza, se pronuncia ‘Bortolutsi’. Mas no Brasil a fonética do ‘zz’ mudou e falava-se com som de ‘ss’.

Uma busca no FamilySearch por Bortoluzzi no Brasil traz o seguinte resultado.

Busca sem a utilização de caracteres-curinga.

Já, quando utilizo o caractere-curinga * no lugar do zz (Bortolu*i), obtenho um resultado que inclui as grafias Bortoluci, Bortolucci e Bortolussi, além do próprio Bortoluzzi.

Busca com a utilização de caracteres-curinga.

É possível utilizar os caracteres em conjunto também, como B?rtolu*i. Os resultados podem trazer variações como Bartoluci, Bertolussi, Bertoluzzi, etc.

Leave a Comment